"ABRE O CORAÇÃO E DEIXA ACONTECER"

4 de abril de 2012

PÁSCOA FELIZ

Neste tempo de Páscoa, em que todos devemos renascer para uma vida mais plena de amor e compaixão, deixo-vos o meu abraço de luz, repleto de esperança por um mundo mais justo.
Que cada um busque a sua verdade, a viva com intensidade e tenha força para ultrapassar todos os obstáculos que a vida nos coloca no caminho em cada amanhecer.
Sejam felizes só pelo facto de estarem vivos e procurem a vossa "estrela da tarde" que vos ajudará a não perder a esperança.

 

oh estrela da tarde
que ofereces teu brilho,
iluminas meu corpo
sossegas minha mente
aumentas minha fé
tornas-me consciente.
Nasce o dia serenamente,
nunca nada é igual.
Onde estou?
Que faço aqui?
Abro o coração
brilha o meu olhar
ajudando o meu irmão.
Silencio a alma
celebro a vida
a sorrir
esperando  tranquila
a minha partida.
Encontro-te lá
 onde o ego não existe
onde tenho a certeza
que todos somos  iguais.


13 comentários :

  1. Ao ver estes cachos de uvas da Páscoa, saudades da minha terra e tuas me trás, pois os amigos vão unidos a tais sentimentos, como o da saudade, que me atenaza e me corrói, enquanto não puder partir ao vosso encontro.
    Lindo aquilo que escreves, sussurros de sentimentos que expressados assim ainda me contraem mais, é aquele sentir profundo que mesmo doendo alegra.
    Desde esse canto teu à igualdade deixo este abraço meu de felicidade e alegria por ter uma amiga de tão nobres sentimentos como TU.

    ResponderEliminar
  2. Venho desejar-te uma santa Páscoa, cheia de luz e alegria no Senhor Ressuscitado!
    Mil beijos.
    Graça

    ResponderEliminar
  3. Páscoa, tempo de recomeçar!

    Que a estrela da tarde nos ajude no recomeço.

    Desejo-te uma Páscoa Feliz.

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  4. Querida amiga

    Passo para agradecer todo o seu carinho e desejar uma linda PÁSCOA.

    Com muita alegria bjs.

    ResponderEliminar
  5. Cada frase é um sonho, cada letra um sorriso.
    Boa Pascoa.
    Bj

    ResponderEliminar
  6. Vou descansar nestes dias que o calendário nos permite (para já...!).
    Vou xonar muiiiito!
    Um grande beijo Canduxa.

    ResponderEliminar
  7. Manita querida
    O teu poema (e o texto) comoveu-me.
    Nesta altura já deves estar no Pontido...

    Que a vossa Páscoa seja plena de Luz, Paz e Amor. E que haja muita alegria entre a família toda reunida... (Que saudades!!!)

    Beijinhos muito doces da tua
    Manita

    ResponderEliminar
  8. Olá amiga Canduxa

    Os teus amigos do Farol desejam-te uma Santa e Feliz Páscoa com muita Saúde, Paz e Amor.

    Argos, Tétis e Poseidón

    ResponderEliminar
  9. Querida amiga!
    Que lindo seu poema!
    Feliz Páscoa pra você e sua família com muita paz,luz e amor!

    Com carinho!

    ResponderEliminar
  10. pena que neste plano tridimensional não entendamos que somos todos iguais
    beijinhos

    ResponderEliminar
  11. *
    todos somos iguais,
    na diferença do respeito,
    tolerância factual . . .
    ,
    gostei, minha amiga,
    ,
    coloridas conchinhas,
    ficam.
    *

    ResponderEliminar
  12. Querida Canduxa
    As nossas Páscoas já foram devidamente tratadas e bem.
    Gostei muito da sua explanação sobre essa época que nos toca fundo. Poucos a trataram tão profundamente....como aqui se lê.
    Jesus deve ter ficado no meio de tanto sofrimento com uma réstea de felicidade pela Filha que tem um coração de ouro...
    Venho dar também um olá e convidar para tomar parte duma pequena comemoração se bem que íntima onde não deixei de parte a minha família univerdal.
    Um beijo enorme, tocado pela Pàscoa que revive em nós.
    Sempre
    M.
    Eternamente!

    ResponderEliminar
  13. Canduxa minha querida

    neste novo ano desejo o melhor do mundo e...


    Novo Ano
    Nova Vida
    Nova Esperança...
    Novo Recomeçar...

    E neste Ano

    Eu quero
    Nova vida
    Nova Esperança
    Novo Renascer...


    um beijo (espero um melhor 2013... o 2012 cansou-me muito...)

    ResponderEliminar

Obrigada pela sua visita e comentário.
Ofereço-lhe a minha paz.